A cartunista fala sobre o caminho das ilustrações no papel de pão que a mãe trazia para casa até as primeiras publicações.