Pneumologia

Susto cura soluço?

Susto cura soluço?

Afinal, por que o soluço acontece? Será que levar um susto ajuda mesmo a curá-lo? Conheça algumas formas de curar soluço.

 

Para responder a pergunta, antes é importante saber como ocorre o soluço. Ele é resultado de uma contração súbita, involuntária e intermitente do músculo diafragma, um dos principais responsáveis pela respiração. Durante essa contração, os pulmões se enchem de ar e a glote (estrutura localizada na laringe e que funciona como espécie de entrada de ar para os brônquios e pulmões) se fecha abruptamente, para não deixar entrar mais ar nesses órgãos. O resultado desse ciclo descompensado de entrada e saída de ar são os soluços.

 

Veja também: Rodelas de batata crua ajudam a amenizar a enxaqueca?

 

Quando uma pessoa leva um susto, dependendo da sua intensidade, há a liberação de adrenalina, que restabelece o funcionamento do nervo frênico (é ele quem controla os movimentos do diafragma), e dessa forma o fluxo de contrações do músculo volta ao normal.

Mas há outras formas menos traumáticas de curar soluço, como:

  • Prender a respiração por alguns segundos e soltar o ar aos poucos;
  • Dobrar o corpo para a frente;
  • Respirar dentro de um saco fechado por alguns segundos;
  • Tomar alguns goles de água.

* Consultoria: Dra. Luciana Lobato, professora de gastroenterologia da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).

Sobre o autor: Juliana Conte

Juliana Conte é jornalista, repórter do Portal Drauzio Varella desde 2012. Interessa-se por questões relacionadas a manejo de dores, atividade física e alimentação saudável.