Ambulatório

Como prevenir infecção urinária

Mulher com blusa amarela sofre de dor causada por infecção urinária.

Algumas dicas simples podem auxiliar a prevenir infecção urinária, problema tão comum que causa dor e ardência ao urinar.

 

A infecção urinária é um problema muito comum entre as mulheres, principalmente por conta do tamanho da uretra, cerca de 14 cm mais curta que a dos homens. A diferença faz com que as bactérias tenham um caminho muito mais curto para alcançar a bexiga. Além disso, a uretra da mulher fica próxima da vagina e do ânus, áreas suscetíveis à proliferação de bactérias.

Os sintomas incluem necessidade de urinar frequentemente (em quantidades pequenas), dor durante a micção e ardor após urinar. Em alguns casos, é possível notar pequenas quantidades de sangue na urina, que ocorre por conta da ação inflamatória desencadeada pela passagem das bactérias ao longo do sistema urinário.

Não é comum ter infecção urinária mais de uma vez por ano. Se você teve pelo menos dois episódios em um período de 6 meses ou três ou mais episódios em um período de um ano, é preciso ficar atenta. Nesses casos, é recomendado investigar com um urologista, que pode indicar tratamentos preventivos com antibióticos.

Separamos abaixo algumas dicas importantes que ajudam a prevenir o problema.

 

Beba muita água

Uma das principais dicas para prevenir a infecção urinária é aquela recomendação de sempre dos médicos: beber muita água. Tente beber pelo menos 2 litros por dia. Além de ser benéfica para o organismo como um todo, a água ajuda a expelir bactérias presentes na uretra e na bexiga. Na correria do dia a dia é comum esquecer de ingerir líquidos: leve uma garrafinha para o trabalho e outros lugares que frequentar para lembrar.

 

Cuidado com a higiene pessoal

A higiene faz toda a diferença quando o assunto é saúde íntima. É importante manter a região da vulva e do ânus sempre limpa, lavando com água e sabão (mas sem exagerar, pois lavar demais a região íntima pode prejudicar a flora genital. Saiba mais sobre isso aqui). Ao usar o banheiro, passe o papel higiênico da frente para trás, para não carregar bactérias do ânus para a vagina.

 

Não segure a urina

Vá ao banheiro sempre que sentir vontade, pois a retenção aumenta o risco de infecção urinária. Também é indicado urinar após as relações sexuais, pois isso ajuda a eliminar as bactérias presentes no trato urinário. Se possível, tome uma ducha bem rápida (duchas fortes e longas, pelo contrário, afetam a flora vaginal e aumentam o risco de infecção).

 

Atenção às roupas íntimas

Roupas íntimas muito apertadas facilitam a proliferação de bactérias, pois retêm calor e umidade. Busque usar peças mais soltas e confortáveis, como saias e vestidos, principalmente em dias quentes. Tente substituir o uso de absorventes por coletores menstruais. Se não for possível, nos dias em que utilizar absorvente troque-o com frequência.

Sobre o autor: Maiara Ribeiro

Maiara Ribeiro é repórter do Portal Drauzio Varella desde 2018. Tem interesse em assuntos relacionados à saúde da criança, da mulher e do idoso.