DrauzioCast #171 | Desidratação durante o verão

Crianças e idosos são mais suscetíveis a ter desidratação, porém, o problema pode acontecer com qualquer pessoa. Saiba mais.

Drauzio Varella

Drauzio Varella é médico cancerologista e escritor. Foi um dos pioneiros no tratamento da aids no Brasil. Entre seus livros de maior sucesso estão Estação Carandiru, Por um Fio e O Médico Doente.

Crianças e idosos são mais suscetíveis a ter desidratação, porém, o problema pode acontecer com qualquer pessoa. Saiba mais.

Compartilhar

Publicado em: 21 de janeiro de 2022

Revisado em: 21 de janeiro de 2022

Crianças e idosos são mais suscetíveis a ter desidratação, porém, o problema pode acontecer com qualquer pessoa. Saiba mais.

 

 

 

A desidratação é caracterizada pela baixa concentração não só de água, mas também de sais minerais no corpo. Ou seja: quando a água eliminada pelo organismo através do suor, urina, fezes e outros não é reposta na quantidade ideal para o seu funcionamento. Por isso, ela é muito comum no verão, quando há maior perda de água através da transpiração, ou depois de um episódio de diarreia e vômito, por exemplo.

No dia a dia, os idosos e as crianças costumam ser os mais afetados pela desidratação, mas pessoas de qualquer idade podem desenvolvê-la. Neste episódio do DrauzioCast, dr. Drauzio recebe o dr. Henrique Perobelli, gastroenterologista e coloproctologista da Rede de Hospitais São Camilo de São Paulo, e conversam sobre os principais sinais do problema e como evitar.

Ouça também no YouTube:

Veja também: Tipos de desidratação

Veja mais