Verminose é um termo que designa doenças causadas por vermes cujos principais sintomas são dores abdominais, náuseas, vômitos, diarreia, falta de apetite, perda de peso, anemia e problemas respiratórios.

 

As verminoses são doenças causadas por diferentes vermes parasitas que se instalam no organismo do hospedeiro. Em geral, eles se alojam nos intestinos, mas podem abrigar-se também em órgãos, como o fígado, pulmões e cérebro.

De acordo com suas características anatômicas, os vermes podem ser divididos em dois grupos diferentes:

  • Os nematelmintos, entre eles a lombriga (Ascaris lumbricoides), o ancilostoma (que provoca o amarelão), os oxiúros e as filárias, possuem corpo cilíndrico e liso, com ambas extremidades afuniladas, sistema digestório completo e sexos separados;
  • Os platelmintos (as tênias causadoras de doenças como a solitária e a cisticercose e os esquistossomos, por exemplo) possuem corpo achatado e sistema digestório incompleto. Muitos deles são hermafroditas.

As verminoses são doenças democráticas. Acometem ambos os sexos, independentemente da idade e da classe social, nas zonas rurais e urbanas. A transmissão ocorre através da ingestão de água e alimentos contaminados ou através de pequenos ferimentos na pele.

 

Veja também: Infecções parasitárias de pele

 

Sintomas

 

Os principais sintomas de verminose são:

  • Dores abdominais;
  • Náuseas;
  • Vômitos;
  •  Diarreia;
  • Falta de apetite;
  • Perda de peso;
  • Anemia;
  • Problemas respiratórios;
  • Em certas situações, comprometimento cerebral;
  • No caso específico das lombrigas, a proliferação desses vermes pode formar um novelo compacto e obstruir o intestino ou mesmo a garganta, provocando asfixia e morte.

 

Diagnóstico

 

O exame de fezes é fundamental para identificar o tipo de verme causador da doença. Às vezes, pode ser necessário realizar um exame de sangue para avaliar a extensão da verminose.

 

Tratamento

 

Existem vermífugos específicos para o tratamento das verminoses. Alguns deles são polivalentes, isto é, agem contra diversos tipos de vermes.

 

Prevenção

 

Saneamento básico, educação sanitária e hábitos simples de higiene pessoal e familiar são elementos fundamentais para prevenir as verminoses.

 

Recomendações

 

Alguns cuidados com a prevenção das verminoses dependem do serviço público. Outros dependem apenas de nós mesmos. Por isso:

  • Lave bem e com frequência as mãos, especialmente quando for lidar com alimentos, antes das refeições e depois de usar o banheiro;
  • Lave cuidadosamente os alimentos antes de prepará-los, especialmente os que vão ser consumidos crus;
  • Procure não andar descalço em lugares em que não conheça as condições de higiene;
  • Procure beber apenas água filtrada. Se não for possível, ferva-a antes de beber.