Outras Histórias #45 | Inocência

Entre uns "acharem que foi ele sem ver" e outros "verem que não foi ele", Paulão aguardava o julgamento por assassinato no Carandiru. 

Drauzio Varella

Drauzio Varella é médico cancerologista e escritor. Foi um dos pioneiros no tratamento da aids no Brasil. Entre seus livros de maior sucesso estão Estação Carandiru, Por um Fio e O Médico Doente.

Entre uns "acharem que foi ele sem ver" e outros "verem que não foi ele", Paulão aguardava o julgamento por assassinato no Carandiru. 

Compartilhar

Publicado em: 29 de março de 2022

Revisado em: 31 de março de 2022

Entre uns “acharem que foi ele sem ver” e outros “verem que não foi ele”, Paulão aguardava o julgamento por assassinato no Carandiru. 

 

 

 

Na cadeia, as alegações de inocência são frequentes. Os presos culpam a mulher ingrata, o advogado trapaceiro, os policiais mal-intencionais ou o azar.

Enquanto trabalhava na enfermaria do Carandiru, dr. Drauzio conheceu Paulão, um presidiário de 40 anos que vivia levando café fresco, forte e amargo para o médico. Paulão aguardava o julgamento pelo assassinato do homem que matou o seu irmão. Segundo ele, ninguém poderia negar a sua inocência, mas a culpa acabou caindo em seu colo.

Ouça nesta história do livro Estação Carandiru (1999).

Ouça também no YouTube:

Veja também: Outras Histórias #44 | Seu João

Veja mais