O médico Drauzio Varella, coordenador do Projeto de Pesquisa de Produtos Naturais da Universidade Paulista/UNIP, escreve na apresentação deste livro: “Quem percorre de avião o trajeto do Rio Negro, viaja sobre o dossel ininterrupto da floresta, tingida aleatoriamente pelo colorido das flores. [Desde] o pico da Neblina, o ponto mais alto do Brasil, e até a nascente do rio em território colombiano, o olhar ingênuo pousará numa paisagem aparentemente monótona: um manto homogêneo a cobrir a imensidão com infinitas tonalidades de verde”. Mas Drauzio completa em seguida: “Nada mais falso. Nesse percurso, o observador sobrevoará florestas tão díspares quanto um cafezal pode ser de uma plantação de eucaliptos ou de um roseiral”.

Essas múltiplas florestas estão sendo estudadas por uma equipe multidisciplinar de pesquisadores, que revelam aqui a beleza extraordinária do rio Negro e, ao mesmo tempo, contam como o rio e sua vegetação constituem uma fonte riquíssima para a investigação de novos medicamentos, de produtos naturais cuja atividade farmacológica sirva à aplicação em patologias humanas.

Ficha Técnica
Ano
2001
ISBN
9788535901696
Encardenamento
Capa dura
Formato
26.50 x 28.50 cm
Peso
2.30500 kg
Complemento
Organização - Alexandre Adalardo de Oliveira e Douglas C. Daly
Páginas
344
Selo
Companhia das Letras
Capa
Hélio de Almeida