Vídeos

Aftas | Tira-dúvidas com especialista #04

Dentista Celso Augusto Lemos Jr. e texto "tira-dúvidas com especialista sobre aftas".

São transmissíveis? Bicarbonato de sódio ajuda? Tire suas dúvidas sobre aftas.

 

Aftas são pequenas, mas incomodam muito. Convidamos o dr. Celso Lemos, especialista em estomatologia (área que estuda feridas), para responder dúvidas enviadas pelo nosso público.

 

Por que surgem aftas na boca?

A afta é uma desordem inflamatória bastante comum, afetando até 3 pessoas em cada 10, mas sua causa, exatamente, não se sabe.

 

Por que as crianças sofrem mais com aftas que os adultos?

Como a doença é inflamatória, provavelmente o sistema imune da criança ainda está em formação. Por isso, crianças de 5 anos até adolescentes de 19 anos são os mais acometidos.

 

Má escovação dos dentes pode causar aftas?

Não, a má escovação em si, não. Mas a boca, com uma higiene inadequada, pode piorar os sintomas das aftas já presentes.

 

Frutas cítricas e ácidas podem realmente causar aftas?

Sim. Para algumas pessoas, frutas cítricas desencadeiam a doença. As aftas são, nesses casos, chamadas de úlceras aftosas recorrentes.

 

Sempre que mordo meus lábios, bochechas ou língua, elas aparecem. Por quê?

O trauma desencadeia, inicialmente, uma úlcera ou ferida traumática, que acaba desenvolvendo uma afta no local. Isso é muito comum em pessoas que usam aparelho ou próteses.

 

Passar bicarbonato de sódio ajuda ou piora?

Apesar de ser um remédio muito popular, não se recomenda que seja um tratamento, pois ao aplicar o bicarbonato, todas as terminações nervosas daquela ferida são destruídas, o que causa uma anestesia local e pode prolongar a duração das aftas.

 

A afta pode ser transmitida através do beijo?

Não. O que às vezes acontece é o paciente achar que tem uma afta, porém tem outras doenças, essas sim, transmissíveis. Um estomatologista pode ajudar a fazer o diagnóstico correto.

 

Sexo oral é prejudicial para quem tem afta?

Não, não existe nenhuma relação. O que se pode falar sobre o assunto é que, por ser uma ferida, a afta favorece o surgimento de outras infecções locais.

 

Assista ao vídeo completo