Impressão de que não há efeitos do cigarro na juventude é somente isso: uma impressão.

 

Muitos têm a ilusão de que jovens fumantes ainda não sofrem com os males do cigarro. Com o organismo ainda novo, em pleno vigor, existe a impressão de que o tabagismo só vai fazer mal anos mais tarde. Drauzio explica por que isso é uma falácia e lança um desafio.

 

Veja também: Dicas para controlar as crises de abstinência