Após a perda de um membro, como um braço ou perna, o cérebro pode continuar “sentindo” aquela região como se ela ainda estivesse lá. Entenda o quadro neste podcast.

 

A dor fantasma é uma dor muito real (não tem nada de psicológica) que acomete cerca de 90% dos indivíduos que têm alguma parte do corpo amputada. Queimação, formigamento, pontadas e até cócegas são alguns dos desconfortos que os pacientes relatam sentir. Ela costuma ser mais intensa logo após a amputação e então diminui com o tempo, mas há pessoas que passam anos sentindo. Ouça a entrevista com o Dr. André Sugawara, médico fisiatra da Rede Lucy Montoro, considerado um dos maiores especialistas do assunto no Brasil.

 

Leia também a entrevista sobre amputação e reabilitação