Checagens

Coronavírus: Verdades e mentiras (Parte 1) | Checagem

multidão desfocada. novo coranavírus se espalha rapidamente em grandes aglomerações

A epidemia do novo coronavírus trouxe consigo uma série de boatos sobre o vírus. Veja o que é verdade e o que é mentira.

 

Os primeiros casos do novo coronavírus (Covid-19) surgiram em Wuhan, província de Hubei, na China, no fim de 2019. Até o dia 18/2/2020, a Organização Mundial da Saúde confirmou 73.332 da doença no mundo, sendo 72.528 na China, com 1.870 mortes no país.

Veja também: Vídeo do dr. Drauzio sobre o novo coronavírus

No Brasil, não há nenhum caso confirmado, mas o Ministério da Saúde ainda investiga cinco casos suspeitos de infecção pelo novo coronavírus.

Além das notícias verdadeiras sobre o vírus, a internet está repleta de boatos acerca da epidemia. A agência de checagem em notícias de saúde DROPS checou a veracidade de algumas informações divulgadas na internet.

 

CONTEXTO

 

Nos últimos dias, as notícias falsas sobre o novo coronavírus têm se espalhado com a mesma velocidade com que a própria doença avança pelo mundo. Postagens em redes sociais como Twitter e Facebook e publicações em sites e blogs tratam de temas que vão de “teorias da conspiração” envolvendo a indústria farmacêutica à previsões catastróficas sobre o futuro da humanidade.

A DROPS selecionou as 6 notícias mais populares sobre o coronavírus e checou seu grau de veracidade consultando fontes oficiais de informação sobre saúde como a OMS (Organização Mundial de Saúde), o Ministério da Saúde brasileiro e o Center for Disease Control and Prevention (CDC).

 

CHECAGEM

 

  1. “Coronavírus tem efeito imediato de pneumonia” – FALSO

Desde o início da epidemia do cornavírus observou-se que os principais sintomas da doença são: febre, tosse, falta de ar e dificuldade para respirar, semelhantes a um resfriado. A pneumonia, uma infecção do trato respiratório inferior, pode ou não acometer pessoas contaminadas pelo coronavírus, porém não de forma imediata.

 

  1. “Coronavírus pode ser transmitido através de encomendas vindas da China” – INSUSTENTÁVEL

As análises realizadas até agora mostraram que o novo coronavírus não sobrevive por muito tempo em objetos. Dessa forma, a contaminação por meio de encomendas vindas da China é improvável e insustentável do ponto de vista científico.

 

  1. “Foram descobertos três medicamentos eficazes contra o coronavírus” – FALSO

Até o momento, não existem medicamentos comprovadamente eficientes para a prevenção do novo coronavírus. Drogas para o tratamento estão sendo investigadas e testadas, porém ainda não há evidências científicas de sua eficácia.

 

  1. “Lavar o nariz com soro fisiológico previne a contaminação por coronavírus” – INSUSTENTÁVEL

Não há evidências científicas que tenham demonstrado que lavar o nariz com soro fisiológico ou soluções nasais é uma medida efetiva na prevenção da contaminação pelo novo coronavírus ou por qualquer outro vírus.

 

  1. “Gargarejo com enxaguante bucal previne contaminação por coronavírus” – INSUSTENTÁVEL

Não existe comprovação científica que demonstre que o uso de enxaguantes bucais na forma de gargarejo protege as pessoas da contaminação pelo novo coronavírus. Esses produtos podem eliminar micróbios presentes na boca, porém não eliminam o coronavírus.

 

  1. “Coronavírus afeta somente idosos” – FALSO

Já existem evidências de que pessoas de qualquer idade podem ser afetadas pelo novo coronavírus. Entretanto, idosos e pessoas com doenças pré-existentes podem desenvolver a doença de forma mais grave.

 

Fontes

 

Acesso em 7/2/20:

https://www.cdc.gov/coronavirus/2019-ncov/index.html

https://www.cdc.gov/coronavirus/2019-nCoV/summary.html

https://www.saude.gov.br/fakenews/

https://www.who.int/emergencies/diseases/novel-coronavirus-2019/advice-for-public/myth-busters

https://www.who.int/health-topics/coronavirus

https://www.npr.org/sections/goatsandsoda/2020/01/22/798277557/how-does-wuhan-coronavirus-compare-to-mers-sars-and-the-common-cold

https://www.paho.org/bra/index.php?option=com_content&view=article&id=6101:folha-informativa-novo-coronavirus-2019-ncov&Itemid=875

Sobre o autor: Redação Drops

Drops é a primeira plataforma brasileira dedicada exclusivamente a checar o grau de veracidade de notícias sobre saúde veiculadas na imprensa e nas redes sociais, baseados no fact checking e na busca por evidências científicas em publicações indexadas e instituições de referência. Visite:
dropslab.org

Leia mais