Drauzio Varella

DrauzioCast #45 | Amidalite

Muito recomendada no passada, a retirada das amígdalas só é indicada em casos específicos. Ouça o comentário do dr. Drauzio neste podcast sobre amidalite.

 

 

 

Amidalite é uma doença infecciosa que acomete as amídalas. Nas crianças, a infecção geralmente é provocada por vírus; nos jovens e adultos, principalmente por bactérias, mas às vezes pode haver associação de vírus e bactérias.

Os sintomas mais comuns são febre; dor de garganta; falta de apetite; hálito com odor desagradável; dificuldade para engolir; às vezes, inchaço nos gânglios do pescoço e da mandíbula.

Nas amidalites por vírus, o tratamento é feito com analgésicos e anti-inflamatórios. Nas amidalites bacterianas, há a necessidade do uso de antibióticos — e esses antibióticos devem ser usados por tempos determinados com muita clareza pelo médico.

Veja também: Por Que Dói? #16 | Dor de Garganta

Não se deve suspender a medicação assim que desaparecem os sintomas, porque a amidalite pode recidivar, ou podem surgir complicações como a febre reumática e as nefrites — as chamadas glomerulonefrites —, porque as bactérias ainda podem permanecer ativas no organismo.

Nos casos de amidalite crônica, devem ser pesquisadas as causas das recidivas, para que seja introduzido o tratamento adequado.

A remoção das amídalas, muito popular no passado, hoje só é indicada em situações muito especiais, quando não há resposta ao tratamento clínico e as crises se repetem várias vezes ao ano. Não tome antibióticos toda vez que a garganta dói, porque isso faz com que apareçam bactérias resistentes.

Sair da versão mobile