Corrimento vaginal é normal? | Dicas Rápidas #06

A ginecologista e obstetra Larissa Cassiano conta quais são os sinais de alerta para corrimento vaginal, bem como os cuidados de higiene íntima para evitar infecção urinária.

Drauzio Varella é médico cancerologista e escritor. Foi um dos pioneiros no tratamento da aids no Brasil. Entre seus livros de maior sucesso estão Estação Carandiru, Por um Fio e O Médico Doente.

Compartilhar

A ginecologista e obstetra Larissa Cassiano conta quais são os sinais de alerta para corrimento vaginal, bem como os cuidados de higiene íntima para evitar infecção urinária.

 

Diferentemente da secreção comum, o corrimento vaginal pode ser pastoso e apresentar coloração amarelada, esverdeada ou esbranquiçada. Além disso, geralmente vem acompanhada de cheiro forte, coceira ou ardência.

Para evitar o seu surgimento, a dra. Larissa Cassiano, ginecologista e obstetra, explica como higienizar as partes íntimas de forma adequada. Ela alerta ainda que pequenas perdas de urina são normais, mas, em exagero, podem ser sinais de incontinência urinária – que, sem os cuidados necessários, pode provocar uma infecção na região.

Conteúdo desenvolvido em parceria com a marca TENA: https://www.tena.com.br

Veja também: Quando o corrimento vaginal pode indicar alguma doença

Veja mais

Sair da versão mobile