Infarto: além da dor no peito | Animação #35

O infarto quase sempre é associado à dor no peito, mas apesar deste ser o sinal mais comum, não é o único.

Drauzio Varella é médico cancerologista e escritor. Foi um dos pioneiros no tratamento da aids no Brasil. Entre seus livros de maior sucesso estão Estação Carandiru, Por um Fio e O Médico Doente.

Compartilhar

O infarto quase sempre é associado à dor no peito, mas apesar deste ser o sinal mais comum, não é o único.

 

Alguns incômodos podem aparecer até meses antes do infarto, como formigamento nos braços, dor no peito que some rapidamente, dificuldade para respirar, palidez, suor frio e dor nas costas. Se não for um episódio fulminante, o coração dá sinais de que algo não vai bem. Caso perceba alguns desses sintomas, busque atendimento médico o mais rápido que puder.

Veja também: Infarto em jovens: por que acontece e como prevenir

Veja mais

Sair da versão mobile