Drauzio Varella

Hipertireoidismo e Hipotireoidismo

Garota deita enquanto médico a examina palpando sua tireoide, glândula envolvida nos casos de hipertireoidismo e hipotireoidismo.

Models.

Hipertireoidismo e hipotireoidismo são doenças que incidem mais nas mulheres. Conheça os sintomas de cada uma das condições.

 

A tireoide é uma glândula endócrina importantíssima para o funcionamento harmônico do organismo. Os hormônios liberados por ela, T4 (tiroxina) e T3 (triiodotironina), estimulam o metabolismo, isto é, o conjunto de reações necessárias para assegurar todos os processos bioquímicos do organismo.

 

Veja também: Leia aqui uma entrevista sobre essas duas condições

 

Os principais distúrbios da tireoide são o hipotireoidismo (baixa ou nenhuma produção de hormônios) e o hipertireoidismo (produção excessiva de hormônios), doenças que incidem mais nas mulheres do que nos homens. A tireoide também pode ser afetada por nódulos tireoidianos.

 

Sintomas do hipotireoidismo e do hipertireoidismo 

 

a) Hipotireoidismo

 

b) Hipertireoidismo

 

Causas do hipotireoidismo e do hipertireoidismo

 

a) Hipotireoidismo

 

b) Hipertireoidismo

 

Diagnóstico de hipotireoidismo e do hipertireoidismo

 

O diagnóstico pode ser feito pela dosagem do hormônio TSH produzido pela hipófise e dos hormônios T3 e T4 produzidos pela tireoide.

Níveis elevados de TSH e baixos dos hormônios da tireoide caracterizam o hipotireoidismo. TSH baixo e alta dosagem de hormônios da tireoide caracterizam o hipertireoidismo.

 

Tratamento do hipotireoidismo e do hipertireoidismo

 

Em ambos os casos o tratamento deve ser introduzido assim que o problema é diagnosticado e depende da avaliação das causas da doença em cada paciente.

No hipotireoidismo, deve começar de preferência na fase subclínica com a reposição do hormônio tireoxina que a tireoide deixou de fabricar. Como dificilmente a doença regride, ele deve ser tomado por toda a vida, mas os resultados são muito bons.

No hipertireoidismo, o tratamento pode incluir medicamentos, iodo radioativo e cirurgia e depende das características e causas da doença. Deve começar logo e ser prescrito principalmente na terceira idade a fim de evitar a ocorrência de arritmias cardíacas, hipertensão, fibrilação, infarto e osteoporose.

 

Recomendações

 

 

Perguntas frequentes sobre hipotireoidismo e hipertireoidismo

 

Hipertireoidismo tem cura? E o hipotireoidismo?

Tanto o hipo como o hipertireoidismo podem ter cura, mas depende da causa. O hipertireoidismo causado pela doença de Graves, por exemplo, tem tratamento, mas não cura.

 

É verdade que quem tem hipotireoidismo engorda e quem tem hipertireoidismo emagrece?

De fato, o processo metabólico de quem tem hipotireoidismo é mais lento; portanto, a pessoa pode ganhar um pouco de peso. No entanto, o ganho em geral é discreto ou nem chega a ocorrer.

No hipertireoidismo acontece o contrário: a tireoide produz um excesso de hormônios, o que acelera o metabolismo e gera perda de peso, que pode ser acentuado.

Sair da versão mobile