Vídeos

O que Ministério da Saúde orienta sobre os testes | Coronavírus #6



O Ministério da Saúde restringiu os testes para o novo coronavírus apenas para pacientes com sintomas mais graves. Dr. Drauzio explica a decisão.

 

A pergunta é sobre o teste pro coronavírus e sobre a orientação do Ministério da Saúde de só testar os pacientes mais graves, aqueles que vão parar nos hospitais.

Bom, não tem dúvida que esses têm que ser testado Mas e por que não aqueles que estão aí com um pouco de febre, ou que tiveram contato com alguém com coronavírus? Por que não testar mais gente? Se possível, todo mundo?

Veja também: Todas as respostas às perguntas mais frequentes sobre o novo coronavírus

Bom, o ideal era testar os 210 milhões de habitantes, mas isso é inviável.

E por que não testar aqueles que estão com sintomas iniciais? Porque nós não temos kits pra testar todos. Esses kits tão em falta até no mercado mundial. E eles não são baratos, são caros. E esses recursos podem faltar pra tratar os doentes mais graves.

Se você tem sintomas de resfriado, fica em casa. Não corre pro hospital. Por quê? Porque você vai parar na sala de espera do pronto atendimento, e se você não estiver infectado, ali as pessoas podem estar tossindo, espirrando, espalhando o vírus. Você pode pegar o vírus lá, no hospital.

Se você estiver infectado, é você que vai tá levando o vírus. E na sala de espera vai ter gente mais velha, com outros problemas de saúde que você poderá infectar. E você poderá infectar as enfermeiras, as auxiliares de enfermagem, os médicos, que são pessoas essenciais pro atendimento da população.

Fica em casa. Faça como a vovó ensinava: repouso e canja de galinha.

Quando é que você deve ir pro hospital? Se você começar a sentir falta de ar. Aí, sim. Se você começar a ter falta de ar, desconforto respiratório quando anda, quando sobe uma escadinha, já fica ofegante, aí sim. Aí é a hora de você ir pro hospital, fazer o teste e receber orientação médica.

Leia mais