Anvisa determina intervalo para doação de sangue após dengue

Anvisa lança nota estabelecendo prazo para a doação de sangue para aqueles que tiveram dengue ou tomaram a vacina contra a infecção.   As pessoas que tiveram dengue ou tomaram a vacina contra a doença devem aguardar 30 dias para doar sangue. Quem teve dengue grave precisa esperar um tempo maior para a doação: 180 […]

braço de mulher fazendo doação de sangue. Quem teve dengue deve esperar prazo para doar

Compartilhar

Publicado em: 05/03/2024

Revisado em: 05/03/2024

Anvisa lança nota estabelecendo prazo para a doação de sangue para aqueles que tiveram dengue ou tomaram a vacina contra a infecção.

 

As pessoas que tiveram dengue ou tomaram a vacina contra a doença devem aguardar 30 dias para doar sangue. Quem teve dengue grave precisa esperar um tempo maior para a doação: 180 dias após a recuperação do quadro infeccioso.

As orientações foram divulgadas em nota técnica emitida pela Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa) e pelo Ministério da Saúde nesta terça dia 5. Na nota, a Anvisa afirma haver um risco de 38% de transmissão da dengue por transfusão de sangue contaminado com o vírus da doença.

Veja também: Por que os médicos abandonaram o termo “dengue hemorrágica”?

Pessoas que tiveram relações sexuais com indivíduos que tiveram a infecção nos últimos 30 dias também devem aguardar 30 dias para realizar a doação de sangue.

A nota pede, ainda, que os serviços de hemoterapia orientem os doadores caso estes apresentem sintomas da doença logo após a doação de sangueO doador deve informar ao serviço caso tenha resultado confirmado de dengue ou apresente sintomas como febre ou diarreia até 14 dias após a doação 

A recomendação é importante para que os hemocentros possam resgatar hemocomponentes em estoque e acompanhar eventuais receptores do material doado.

Pacientes que estão recebendo tratamento com imunoglobulinas ou hemocomponentes contendo imunoglobulinas, como sangue ou plasma, devem esperar pelo menos seis semanas e, preferencialmente, três meses após o término do tratamento para a administração da vacina. O objetivo da recomendação é não comprometer a eficácia das vacinas nesses pacientes.

 

Recomendações para a doação de sangue após quadro de dengue ou vacina

– Pessoas que tiveram dengue comum devem aguardar 30 dias após a recuperação completa. 

– Pessoas que tiveram dengue hemorrágica (dengue grave) devem aguardar 180 dias após a recuperação completa. 

– Pessoas que tiveram contato sexual com pessoas que tiveram dengue nos últimos 30 dias deverão aguardar 30 dias após o último contato sexual. 

– Pessoas que tomaram a vacina contra a dengue devem aguardar 30 dias após a vacinação. 

 

A nota termina com a recomendação da Anvisa para que os brasileiros visitem os bancos de sangue para verificar se estão aptos a fazer a doação de sangue, essencial para manter os estoques de hemocomponentes do país.

Veja mais

Sair da versão mobile